Literatura fantástica à portuguesa: a volta do detetive do oculto Benjamim Tormenta SAPO MAG

Lançado a 28 de abril, “Assim Falou a Serpente”, da Saída de Emergência, dá sequência, oito meses depois, a “O Deus das Moscas Tem Fome”, onde o detetive do oculto Benjamim Tormenta investigava crimes na Lisboa do século XIX. O SAPO Mag conversou com o autor, Luís Corte Real.

Com histórias divertidas, bem escritas, repletas de ação, “gore” e um detetive amaldiçoado que investiga fenómenos diversos no século XIX, a literatura de género portuguesa segue merecendo de ser conhecida. Substituindo cenários os leitores/espectadores estão habituados pelas produções estrangeiras, “O Deus das Moscas” traduzia uma bela reconstituição de época da Lisboa do século XIX.
Para ler o artigo na íntegra clica AQUI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: